Categoria: Análises e Opinião

Mediation

1 de junho de 2020 | Análises e Opinião

“Communicatio” é uma das primeiras palavras que um aluno de comunicação escuta. Assim como qualquer disciplina, a etimologia da palavra que define seu objeto de estudo é marco-zero para entender o que será observado. No caso de “communicatio”, observa-se logo duas palavrinhas: “partilhar” e “dividir”. Dois verbos sintetizam um termo complexo.

Continue lendo →

Sobre varandas, sacadas e janelas

28 de março de 2020 | Análises e Opinião

O espaço urbano é uma confluência de peculiaridades extremamente complexas. Essa é uma definição que sempre uso inicialmente, quando tento compreender todos os pormenores de uma cidade. E não falo apenas de elementos técnicos e estéticos. Trato, principalmente, de discursos políticos (ou não) e culturas.

Continue lendo →

Tem um rato no meu iPad!

26 de junho de 2019 | Análises e Opinião

A chegada do iPhone, em 2007, deixou de lado um acessório que, para Jobs, era extremamente desnecessário: a canetinha. Naquela época, muito antes de surgir o Windows Phone, dispositivos Palm e celulares com Windows Mobile dependiam de uma stylus para serem utilizados. O telefone da Apple, porém, era um ponto fora da curva, já que precisava apenas de um dedo ou mais para ser utilizado, em vez de um acessório extra.

Este conceito evoluiu com a chegada do iPad. Com uma tela maior, a Apple desenvolveu inúmeros gestos para incrementar a navegação no tablet. Afinal, o botão Home tornou-se útil apenas para a biometria, com o já finado Touch ID. O lançamento do último iPad Pro deu ainda mais força a esse pensamento, só não esperávamos por uma mudança que seria ainda mais radical: mouse no tablet da Apple.

Ainda em fase de testes, a nova versão do sistema – que agora possui um nome e interface dedicados ao tablet –, o iPadOS 13, já dá um gostinho do que está por vir. Entre as novidades estão o Modo Escuro, novo gerenciador de arquivos e pastas, e suporte a mouse, recurso que está dando o que falar – especialmente porque o iPad ainda não tem suporte a mouse.

Atualizei o meu iPad (2017) nesta segunda-feira (24) para o iPadOS 13 a fim de testar a novidade. Em um breve resumo, trata-se de uma função que permite o controle do touch com um mouse. Conectado via Bluetooth ou USB, o periférico simula um dedo, que, quando arrastado, mostra um círculo na tela que é uma espécie de “cursor” indica onde será pressionado. Tudo ainda é muito rudimentar e sequer há a função de scroll – afinal, não é propriamente um mouse. Ainda assim, já dá para imaginar um futuro onde o tablet se aproxima ainda mais de MacBooks e pode substituir o notebook em momentos corriqueiros.

E é exatamente isso que está acontecendo em alguns casos, já que o periférico facilita o trabalho de quem utiliza um teclado externo no iPad. No meu caso, a novidade é muito bem-vinda durante os estudos e produção de artigos científicos, já que utilizo essencialmente apps como Evernote, MindNode e Word para este fim. Nessas horas, posso alocar o tablet em cantos remotos da mesa, sem ocupar muito espaço como acontece com o notebook. Assim, Caso eu queria digitar algo, basta pegar teclado e mouse e fazer a mágica. Tudo sem muitas complicações.

Apesar de promissora, a novidade ainda tem muita estrada para trafegar. De toda forma, já dá para imaginar a versatilidade que ela irá trazer, especialmente àqueles que possuem iPad Pro com a capa que embute um teclado no tablet. E, da mesma maneira, como isso irá reduzir a necessidade de recorrer ao computador para inúmeras funções que são corriqueiras, mas dependem de uma interface “menos touch”, como sistemas de empresas que funcionam em navegadores, por exemplo.

Que venham os ratos ao iPad!